"Retratos da alma"

de Fábio Luporini

Matéria sobre minha exposição "Legião, almas para todo gosto"

"Retratos da alma"O olhar das pessoas no corre-corre cotidiano é matéria-prima para a arte. Imaginar o que se passa por três de um olhar profundo, de um olhar perdido, de um olhar compenetrado. Tudo isso faz o artista João Werner pensar no que se passa na cabeça das pessoas que lhe cruzam o caminho: vizinhos, amigos ou principalmente os desconhecidos transeuntes. Sentado à frente do computador, vai desenhando os traços de almas que penetrou. Retratos de sentimentos humanos. "É como se eu tivesse conhecido essas pessoas. Tenho admiração pelos sentimentos humanos. É uma riqueza emocional", define Werner.

O resultado deste trabalho, mais afetivo que cerebral, como o próprio autor define, será apresentado a partir de hoje até 14 de outubro, na Galeria João Werner (Rua Piauí, 191 - sala 71). são 25 gravuras digitais, com retratos de pessoas imaginárias. O artista conta que observa muito as pessoas com as quais se depara ao longo do dia, qualquer lugar que seja. "É um retrato dos possíveis estados de espírito da alma humana", explica. "Ando na rua e olho as pessoas. Faço uma leitura e observo, imaginando suas perspectivas", diz.

Os traços não têm necessariamente a forma de alguém conhecido e nem sempre têm a ver com o sentimento que o artista estava mergulhado no momento da confecção da obra. "Quando faço, não é que eu esteja vivendo o sentimento", afirma. Em um dos retratos, no entanto, Werner enxerga a escritora Clarice Lispector. "Tem um que parece muito a Clarice. O olhar profundo e amargo. O perfil tem um queixo fino e olhos grandes", descreve.

A intenção não era esta. "às vezes [o retrato] se parece com alguém que conheço, outras vezes com quem admiro", afirma. à medida que os traços vôo se definindo pode aparecer algo conhecido. Ou não. "Nem sempre tem sexo definido ou tipo de cabelo e roupas espec ficos. Tudo isso vai surgindo depois."

Na realidade, não há de fato uma identificação com alguém conhecido. "Me deixo levar. não bloqueio os sentimentos. Alguns retratos parecem mais raivosos, outros são mais assustadores", reconhece. A produção, meio irregular - com alguns retratos desde 2006 -, serve como uma forma de esvaziar os sentimentos do próprio Werner. "Sinto um vazio quando faço e o sentido dos quadros preenche essa ausência. Fico meio suspenso", comenta. Até porque os quadros digitais são mais imediatos, diferentemente de outros trabalhos do artista. "É uma espontaneidade afetiva. Os quadros mais elaborados são mais cerebrais", ressalta.

Cada um dos retratos foi produzido num espaço entre uma e duas horas, enquanto as outras obras demoram até dias para ficarem prontas. "Enquanto faço um quadro demorado, faço dois outros desses. Assim, mantenho íntegra a impressão inicial, o sentimento que tenho comigo. Por isso é um retrato dos sentimentos, mais que os outros, que são cerebrais", explica.

Dados da publicação

Fábio Luporini, "Retratos da alma", Jornal de Londrina, Caderno "Divirta-se", pp. 18, 18 de julho de 2011.

Outros textos sobre a arte de João Werner

Textos de críticos de arte

Reportagens e matérias jornalísticas

Ensaios poéticos e apresentações de exposições

Livros de João Werner
à venda

Capa do livro "A figura na Comunicação Visual"

"A figura na Comunicação Visual"

Mais informações sobre o livro.
Kindle Amazon: R$ 38,37.

Capa do livro "A Terra e o trabalho com a Terra"

"A Terra e o Trabalho com a Terra"

Livro de arte com a reprodução de 34 pinturas cuja temática é o sagrado trabalho com a Terra. . São pinturas a óleo, acrílica e digitais, realizadas desde 2002.

Livro impresso, R$ 55,41.

Capa do livro "Mesa de bar"

"Mesa de bar"

Livro de arte com a reprodução de 32 pinturas a óleo, acrílicas e digitais sobre o cotidiano da vida citadina.

Livro impresso, R$ 55,41.

Capa do livro "Esculturas e relevos"

"Esculturas & relevos"

Reprodução de 48 fotografias de esculturas em cimento, madeira, ferro fundido, argila e gesso.

Livro impresso, R$ 58,06.

Capa do livro "Et in Arcadia Ego"

"Et in Arcadia Ego"

Reprodução de 39 pinturas a óleo, acrílicas e digitais de sátiros e ninfas.

Livro impresso, R$ 61,14

Capa do livro "Motel barato"

"Motel barato"

Livro de arte com a reprodução de 36 pinturas a óleo, acrílicas e digitais sobre o tema do erotismo e sexualidade.

Livro impresso, R$ 58,06.